O economista Ricardo Izar foi eleito deputado federal pelo estado de São Paulo em 2010 com mais de 87 mil votos e em 2014 foi reeleito com quase 114 mil votos. Tornou-se conhecido e respeitado em todo o país por seus trabalhos norteados pela Ética na Política, pela busca por um desenvolvimento sustentável com pleno respeito ao meio ambiente e pela proteção constante dos vulneráveis – indiferente de sua condição, etnia, credo ou espécie.

Considerado por diversas oportunidades o segundo melhor deputado federal do Brasil e o primeiro do estado de São Paulo, Izar sempre demonstrou um imenso senso de responsabilidade pelos seus mandatos. Foi Presidente do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar no biênio 2012/2014, tendo atuado firmemente na investigação, suspensão e cassação de alguns parlamentares. Trabalhou ao longo desses anos em temas que visam à defesa dos direitos do consumidor, um meio ambiente equilibrado e protegido, a proteção dos animais não-humanos, a regulamentação de diversas profissões, a conquista de uma habitação digna para todos e a ética no trato dos cidadãos e da coisa pública.

Desde sua posse, Izar dedica-se ao interesse coletivo desenvolvendo ou relatando projetos de lei em áreas que incentivem modalidades de energia limpa, o correto tratamento da Política Nacional de Resíduos Sólidos, uma maior rigidez no cumprimento do Código Penal, a melhoria das oportunidades de trabalho para jovens e adultos, além de investir parte significativa de sua atividade na busca por recursos e investimentos em todas as esferas da federação que melhorem a vida da população em seus municípios. Com frequência, Ricardo Izar convocou audiências públicas para debate de assuntos de grande impacto social, visando denunciar injustiças cometidas contra o consumidor e usuários de serviços públicos, assim como assuntos relativos a um ambiente mais ético na Câmara Federal.

Dentre suas várias conquistas, Ricardo Izar apresentou projetos de lei que culminaram na regulamentação das profissões de Designer de Interiores e Esteticista e teve sancionada a lei “Salão Parceiro”, assim como a legislação que tornou obrigatório o Teste da Linguinha em recém-nascidos. O deputado foi o autor do requerimento de urgência para votação em plenário das 10 Medidas de Combate à Corrupção.

Ricardo Izar é presidente das seguintes frentes parlamentares:
– Defesa dos Direitos dos Animais;
– Habitação e Desenvolvimento Urbano;
– Regulamentação Profissional;
– Grupo Parlamentar Brasil – Líbano;
– Corretores de Seguro.

Foi vice-presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a “Máfia das Órteses e Próteses no Brasil” e criador e presidente da CPI para investigar maus-tratos aos animais em 2015, comissão essa responsável pelo indiciamento de dezenas de pessoas.

Detém títulos de cidadão de dezenas de municípios, entre eles:
– Agudos
– Amparo
– Andradina
– Angatuba
– Bastos
– Bocaina
– Barra Bonita
– Cachoeira Paulista
– Campos do Jordão
– Dois Córregos
– Euclides da Cunha Paulista
– Herculândia
– Igaraçu do Tietê
– Itapuí
– Itariri
– Juquiá
– Lençóis Paulista
– Lorena
– Macatuba
– Mineiros do Tietê
– Mira Estrela
– Monte Alto
– Pilar do Sul
– Piratininga
– Poá
– Potim
– Rafard
– Serra Negra
– Tabapuã
– Tietê
– Trabiju

Para continuar uma agenda de trabalho ainda mais promissora e engajada, Izar precisa do seu voto para exercer seu terceiro mandato como deputado federal. Para isso, bastam um dedo e um número para votar em Ricardo Izar: digite 1111 na urna eletrônica em 7 de outubro!

Fechar Menu