Maio Amarelo começa agora: 23 países mobilizados.

Maio Amarelo começa agora: 23 países mobilizados.

30/4/2016 – O Maio Amarelo surgiu em Indaiatuba, sendo lançado pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária que tem a sua coordenação, mas trata-se de uma ação multissetorial, envolvendo todos os segmentos sociais para conscientizar a sociedade a assumir comportamentos mais seguros no trânsito e mudar o cenário de violência, que mata e sequela milhões em todo o mundo.

g n 498 7u4x 300x224 - Maio Amarelo começa agora: 23 países mobilizados.A partir deste 1º de maio, o Brasil e o mundo estarão mobilizados para mais uma edição do Maio Amarelo um movimento internacional em prol da segurança viária, que atua para salvar vidas nas vias e rodovias de todo o planeta.

No seu terceiro ano de existência, o Maio Amarelo já está presente em 23 países de cinco continentes (veja lista dos países abaixo). A mobilização dá sua largada neste domingo, dia 1º de Maio, com números que empolgam, o total de instituições/entidades apoiadoras já chega a mais de 800, quase o dobro do ano do ano passado; e, neste ano, visualizando os calendários propostos pelas mais diversas cidades, surge uma certeza: o Movimento vai superar todas as expectativas e promete ser histórico.

O Maio Amarelo surgiu em Indaiatuba, sendo lançado pelo OBSERVATÓRIO Nacional de Segurança Viária que tem a sua coordenação, mas trata-se de uma ação multissetorial, envolvendo todos os segmentos sociais para conscientizar a sociedade a assumir comportamentos mais seguros no trânsito e mudar o cenário de violência, que mata e sequela milhões em todo o mundo.

A proposta é colocar em pauta, de forma permanente, o tema trânsito para toda a sociedade, destacando que o trânsito deve ser seguro, em todas as situações para todos; incentivando a participação da população, empresas, governos e entidades, no trabalho de conscientização e prevenção de acidentes.

Em 2016, o Movimento elegeu dois temas para o trabalho educativo com os mais diversos setores: o uso do cinto de segurança, sobretudo no banco traseiro, que ainda é muito negligenciado pela população; sobretudo no país berço do movimento, o Brasil; e também o excesso de velocidade que impacta no aumento de mortes e na gravidade das lesões no trânsito serão as questões que terão evidência na mobilização deste ano.

A velocidade como importante fator de risco e agravante dos acidentes é um dos poucos temas que a ONU/OMS, inclusive, cobra que o Brasil não tem trabalhado, de forma mais eficiente.

A proposta dessa divulgação, de acordo com a Coordenação do Maio Amarelo é buscar potencializar a reflexão com toda a sociedade sobre esses dois fatores de riscos e que agravam as lesões no trânsito. Esses dois pontos são cruciais para ampliarmos a segurança e proteger vidas, afirma o coordenador do Maio Amarelo, José Aurelio Ramalho.

Toda a sociedade pode e deve participar!
A partir deste domingo, 1º de Maio, até o último dia do mês, ninguém pode poupar esforços para dar visibilidade a nossa mobilização, seja com atividades, seja coma ações de divulgação, veiculando o laço, conscientizando o seu público.

Para dicas do que fazer, acesse o Manual do Maio Amarelo, neste link: http://www.onsv.org.br/noticias/manual-ajuda-apoiador-a-organizar-o-maio-amarelo-veja-como-e-facil/

Participe também da nossa campanha. Você pode ser mais um a engrossar nossa lista para construir um trânsito mais humano.

http://www.onsv.org.br/noticias/maio-amarelo-lanca-campanha-eusou1-por-um-transito-mais-humano/

Países mobilizados pela segurança no trânsito
Já somos 23 países em todo o mundo apoiando o Maio Amarelo.

Angola
Argentina
Austrália
Áustria
Benin
BRASIL
Camarões
Costa do Marfim
Espanha
EUA
Geórgia
Holanda
Índia
Marrocos
México
Moçambique
Portugal
Quênia
Reino Unido
República Dominicana
Tunísia
Vietnã
Uruguai

O laço usado como símbolo do Maio Amarelo já é um velho conhecido. Utilizado também em outros movimentos, como o Outubro Rosa, de combate ao câncer de mama, e o Novembro Azul, que combate o câncer de próstata, ele estimula atividades voltadas à consciência.

Fonte: Maio Amarelo

Cadastre-se  aqui

Gostou deste conteúdo? Faça um comentário!

avatar
Fechar Menu