“Auxílio-moradia na Câmara deveria acabar”, aponta o deputado Ricardo Izar

“Auxílio-moradia na Câmara deveria acabar”, aponta o deputado Ricardo Izar

25/3/2013 – Na última sexta-feira, 22, o Dep. Ricardo Izar esteve em Rio Claro e comentou sobre o auxílio moradia na Câmara Federal e sobre projetos na área de defesa dos animais.

g n 126 4g2j 261x300 - “Auxílio-moradia na Câmara deveria acabar”, aponta o deputado Ricardo Izar

Fonte: Jornal da Cidade – Rio Claro

No início da tarde dessa sexta-feira (22), o deputado federal Ricardo Izar (PSD), em visita a Rio Claro, comentou sobre o anúncio da Câmara Federal sobre o auxílio-moradia aos deputados, que vai passar de R$ 3 mil por mês para R$ 3,8 mil.

O reajuste é um aumento de 26,6%, apesar de o benefício estar defasado em mais de 300%. Sobre os benefícios anunciados, o congressista se mostra contrário.

“Apesar do aluguel ser muito alto em Brasília, acho que deveria acabar com o auxílio-moradia. Deveriam utilizar mais o recurso dos apartamentos funcionais”, comentou Izar.

Protagonista em projetos ao município na esfera da defesa dos animais, o deputado mencionou a situação dos recursos federais destinados às cidades em favor da ‘fauna urbana’: “O governo federal não tem verba para os animais”, destacou.

O deputado explica a importância do investimento e do envio de recursos federais aos municípios neste âmbito: “Você investir R$ 1,00 nos animais é economizar R$ 27,00 na saúde humana”, ressalta. Ele ainda critica as penalidades aplicadas a quem pratica maus-tratos contra animais: “A pena é muito baixa. Se o Código Civil tratasse os animais como um ‘ser’, a exemplo de outros países, as leis previstas no Código Penal seriam muito mais severas.

Estamos trabalhando para que esse quadro seja revertido, enrijecendo a punição”, disse. A ausência de um ministério específico para os animais domésticos também foi destacada durante entrevista: “Não existe uma política pública para estes animais, o que agrava ainda mais a situação dos municípios”. O parlamentar comentou sobre o Castra Móvel, que visa levar até a periferia das cidades o serviço de castração. Além disso, o congressista discursou sobre a implantação de remédios genéricos veterinários, a questão das audiências públicas que estão ocorrendo sobre a leishmaniose, e as futuras parcerias com a cidade para viabilizar recursos federais. (Carine Corrêa)

É a segunda visita de Ricardo Izar a Rio Claro, desde que se aproximou da bancada governista de Du Altimari

Cadastre-se  aqui

Gostou deste conteúdo? Faça um comentário!

avatar
Fechar Menu